QUEM SOU EU

Minha foto

Administrador de Empresas(UEMA), Mestrado em Administração(FGV-RIO), Professor Universitário (FAMA/UFMA), Ex-Presidente do CRA-MA, Ex-Conselheiro Federal de Administração - CFA, Empresário (DEPYLMAR, ), Ex-Conselheiro Fiscal da ANGRAD, Vogal da Junta Comercial do Maranhão (JUCEMA)Consultor de Empresas, Avaliador do INEP/MEC, Maranhense de Pedreiras, filho de Valdinar e Cavalcante Filho, Casado (Graça Cavalcante), 02 Filhos (Nathália Johanna e Diego Henrique), apaixonado pelo Moto Club de São Luís, Botafoguense de Coração e Feliz da Vida...

quarta-feira, 2 de agosto de 2017

O Mito do Empreendedor Herói e o Fluxo de Caixa


O Mito do Empreendedor de Michael E. Gerber é um livro muito interessante porque o autor já inicia explicando nos primeiros capítulos a diferença entre empreendedor, administrador e técnico e como equilibrar os três lados

Achei interessante comentar o lado do empreendedor administrador, até porque sou administrador de empresas com um certo sucesso , um péssimo técnico e um empreendedor duvidoso .Preferi então ser prestador de serviços nas áreas de finanças e administração e negócios. E neste contexto da administração, o fluxo de caixa desempenha um papel de destaque.

Você se vê como um empreendedor completo?
Eu percebo que a grande maioria defende a ideologia da criação e da inovação , na ilusão de que o empreendedor deve ser um artista, desligado das regras e convenções padronizadas
Porém, seus instintos e habilidades pessoais não são suficientes para levar um empreendimento ao sucesso.

O empreendedor tem que obrigatoriamente saber usar as técnicas de administração e finanças.

Fernando Trias de Bés , docente da ESADE Business School, conferencista e escritor, formado em ciências empresariais, escreveu “ O livro negro do Empreendedor- E depois diga que não foi avisado”

Parodiando uma luta de boxe onde é necessário atacar, defender-se e levantar após inúmeros golpes, o autor organizou pesquisa e análise a respeito do fracasso. Diz ele“Talvez cada pessoa fracasse por um motivo diferente e não exista uma lista universal de fatores de fracasso. Não acredito. Porque, se honrarmos a condição humana, acabaremos concordando que o ser humano sempre tropeça nas mesmas pedras. Portanto, saber que pedras são estas pode ajudar muita gente.

Neste contexto o livro se completa com os ensinamentos de Michael E. Gerber   

O empreendedorismo só da certo de forma integrada com o domínio das finanças, administração e técnica

Empreendedor não tem contra-cheque e não pode sair comprando tudo por aí para pagar no cartão de crédito da empresa.
Quando se trabalha em empresas, uma das grandes vantagens é ter uma previsibilidade de capital, de grana para gastar. Todo mês, trabalhando bem ou mal, o contra-cheque bate na conta bancária. Já com o empreendedor, se ele não não trabalhar bem e não tirar a bunda da cadeira para buscar o dinheiro, irá se dar mal.

Quando resolvi empreender meu mindset ainda era de empregado. No inicio tudo bombou , a grana começou entrar na conta e eu me deslumbrei. Até comprei carro novo. Me tornei poderoso. O perigo é que com grandes poderes vem grandes responsabilidades- como diz Èrico Rocha .

Na minha primeira experiência o tempo foi passando, até que as vendas começaram despencar .
Foi uma a combinação da minha incapacidade de gerar receitas no mercado pela falta de técnica associada a chegada de um forte concorrente com grande aporte de capital.

Quando não puder vencer o inimigo , junte-se a ele. Fui procura-lo para uma parceria. Ele se interessou, desde que a última palavra fosse a dele. Puxa, eu estaria entregando minha empresa ( e meu suado dinheirinho)  Aí tomei uma decisão - embora triste e dolorosa .Como os pilotos de F1 tem que saber frear antes da curva, eu tomei a decisão de rever tudo antes de bater. Acabei fechando a empresa  antes de quebrar. Foi desolador mas foi sábio e sai com 90% do capital investido.

Para cair fora antes que o barco afunde , o empreendedor deve saber fazer o planejamento de caixa.

Como assim Lopes? Sim, antes de quebrar eu tinha noção exata da gestão do caixa e das finanças e percebi então em uma simples projeção que eu iria falir se continuasse. Afinal nestes anos todos, a experiência de administrador falou mais alto.

A dica importante que levei em consideração para a tomada de decisão foi o “alcance do caixa” ou caixa projetado.
Você tem que saber provisionar e planejar o caixa de curto, médio e se puder a longo prazo.No meu caso, eu tinha somente três meses para continuar com a cabeça fora d` água. Naquela altura do campeonato se continuasse , era simplesmente arrumar as mesas e cadeiras no convés do Titanic.


Mesmo que tudo esteja indo bem, o empreendedor deve fazer uma provisão, ou mais simplesmente,  uma reserva de caixa para operar mesmo que não faça uma venda sequer para pelo menos os próximos meses

Aí o período irá depender de seu negócio Você determina o que é uma margem segura para sua atividade. Como empreendedor, vale tanto para criação de softwares altamente tecnológicos ou brigadeiros na cozinha de sua casa para vender no dia seguinte.

Trocando em miúdos. Agindo assim, você terá capital para continuar pagando suas despesas fixas e se mantendo pessoalmente, enquanto continua prospectando negócios ou procurando outra solução. Ou então fechar e partir para outra.

Posso estar caindo na mesmice mas planejamento a curto, médio e longo prazo são fundamentais

Para as micro e pequenas empresas, geralmente o que acontece é que os empresários acabam não se programando para o próximo período, então ao ver o caixa com dinheiro, não se atentam para as duplicatas que vencerão nos próximos meses e acabam por embolsar e gastar o dinheiro.

Outro erro muito comum é misturar o CNPJ com CPF. Jamais tire dinheiro da empresa para uso próprio. Estabeleça uma retirada mensal e mantenha-se com ela como se fosse aquele salário da empresa que você trabalhou (ou o que der para sua subsistência minima)

Conclusão
Difícil fazer a gestão de caixa? Eu digo não pela minha experiência. Afinal esta é minha função: sou financeiro. Então, se você delegar esta função a quem entende e seja confiável você vai ficar tranquilo para cuidar de seu negócio. Mas você precisa entender também.

Comece com uma intenção- disse o inoxidável Èrico. Tudo na vida começa com uma intenção, você controla suas intenções. Provavelmente não é um objetivo que você vai atingir agora ou na próxima semana, mas é um objetivo que você deve ter a intenção de atingir daqui pra frente.

Copiado:   -   https://www.linkedin.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário