QUEM SOU EU

Minha foto

Administrador de Empresas(UEMA), Mestrado em Administração(FGV-RIO), Professor Universitário (FAMA/UFMA), Ex-Presidente do CRA-MA, Ex-Conselheiro Federal de Administração - CFA, Empresário (DEPYLMAR, ), Ex-Conselheiro Fiscal da ANGRAD, Vogal da Junta Comercial do Maranhão (JUCEMA)Consultor de Empresas, Avaliador do INEP/MEC, Maranhense de Pedreiras, filho de Valdinar e Cavalcante Filho, Casado (Graça Cavalcante), 02 Filhos (Nathália Johanna e Diego Henrique), apaixonado pelo Moto Club de São Luís, Botafoguense de Coração e Feliz da Vida...

quinta-feira, 26 de abril de 2018

O que é RH Estratégico e por que sua empresa precisa de um

Segundo o Michaelis — dicionário da língua portuguesa — recursos humanos é um conjunto de pessoas que trabalham em uma instituição e colaboram para que a empresa atinja suas metas. 
De fato, esse conceito define basicamente o que é RH estratégico. Porém, neste artigo vamos aprofundar um pouco mais essa definição na área de recursos humanos.
Hoje, mostraremos por que é importante adotar esse método de trabalho em sua instituição e que diferença há entre o RH tradicional e o estratégico. Por fim, ensinaremos como implantar esse modelo de gestão em sua empresa. Interessado? Então continue lendo e confira!

O que é RH estratégico? O conceito de RH estratégico não é algo novo. Segundo um artigo da Scielo — Scientific Electronic Library Online — ele surgiu no início dos anos 80, e foi desenvolvido por meio de duas abordagens: a Michigan Concept e a Harvard Concept.

A primeira abordagem define o RH estratégico como o conjunto dos fatores: missão, estrutura e estratégia. Além disso, de acordo com esse conceito, etapas como seleção, avaliação, remuneração e desenvolvimento, devem ser elaboradas estrategicamente.
A segunda abordagem — Harvard Concept — foi uma visão concebida pela Harvard Business School, uma instituição americana de grande renome, e define bem o método de RH estratégico. Nesse caso, o setor de recursos humanos não assume apenas o papel de adaptador, mas age também como um tomador de decisões no planejamento estratégico da empresa.
Segundo o escritor Staehle, em seu livro Human resource management and corporate strategy, o setor de recursos humanos que opina nas estratégias da empresa produz efeitos imediatos, como maior comprometimento do setor com os rumos da instituição e aumento da competência deste. 
Além disso, gera efeitos em longo prazo, como efetividade organizacional e bem-estar social na empresa.
Sendo assim, em vez de apenas cumprir as exigências da alta administração, a área de Recursos Humanos na visão do RH estratégico participa ativamente de todo o processo de planejamento estratégico do negócio. E junto com a instituição traça metas de curto, médio e longo prazo.

Qual é a diferença do RH estratégico para o tradicional?  Basicamente, a diferença principal entre esses dois tipos de RH — estratégico e tradicional — é a eficiência maior que o primeiro apresenta em relação ao segundo.  E essa é uma característica que beneficia toda a organização.

Segundo um artigo da revista Exame, estudos publicados por consultorias respeitadas — como Towers Watson, Boston Consulting Group e EY — demonstram que há uma conexão direta entre a eficiência da área de recursos humanos e o desempenho da empresa.
E esse mesmo artigo ainda citou um relatório chamado ­Creating People Advantage, escrito por Christian Orglmeister, da empresa Boston Consulting Group. Para a pesquisa, foram entrevistados 3.500 profissionais de recursos humanos em várias partes do mundo.

Ao final, o autor constatou que uma companhia que possui um RH eficiente e estratégico tem um resultado econômico duas vezes maior do que uma empresa que não possui uma gestão eficaz de pessoas.
Pois essa eficiência muitas vezes falta em um RH tradicional. E há ainda outras diferenças entre esses tipos distintos de gestão de RH, como a retenção de talentos e a rotatividade de colaboradores.
Assim, enquanto um RH estratégico atrai e retém profissionais talentosos que podem contribuir para o progresso da empresa, um setor com baixo desempenho de gestão não é um chamariz desses trabalhadores.
E, com certeza, estes saem da empresa assim que encontram uma companhia com um ambiente interno mais promissor.

Qual é a importância do RH estratégico para sua empresa?  Podemos citar inúmeros benefícios que o RH estratégico pode fornecer para uma instituição, mas entre essas vantagens algumas se destacam. Uma empresa que possui esse conceito de RH em suas demandas consegue, por exemplo, alinhar a gestão de pessoas com as perspectivas da companhia.

Agora, você deve estar se perguntando: “como assim?”. Bem, imagine que uma organização decida que, no próximo semestre, suas vendas precisam aumentar em 50%.
Visto que o gestor de recursos humanos estava presente na elaboração e aprovação dessa meta, ele, mais do que ninguém, sabe que a empresa tem a capacidade de atingir esse objetivo. Mas como ele pode ter essa certeza?

Em seu ambiente de trabalho, os colaboradores são vistos como recursos de vantagem competitiva, ou seja, ferramentas preciosas para avançar com a meta definida. Sendo assim, o administrador adaptará agora esses trabalhadores às novas necessidades da companhia.
E, para isso, adotará algumas práticas importantes. Uma delas é a motivação desses profissionais para que se engajem com as metas da companhia.
Além disso, ele deverá realizar um sistema eficiente de treinamento para que tais ferramentas valiosas desenvolvam mais ainda suas habilidades, e alcancem o alvo de 50% no aumento das vendas.
Porém, o gestor de RH estratégico vai ainda além e projeta suas previsões para o futuro. De modo que observa, imediatamente, quem em sua equipe pode assumir um papel central nesse projeto e fica atento a necessidade de possíveis novas contratações.
Dessa forma, o recrutamento será direcionado para selecionar profissionais que tenham habilidades e conhecimentos que agreguem valor a essa estratégia do negócio.
E, ao fazer uma análise sobre o futuro, esse gestor se certificará de que a empresa conseguirá não só atingir a meta estipulada de vendas, como também mantê-la e até aumentá-la com a aquisição dos recursos necessários para isso.

Como implantar um RH estratégico em minha empresa?   Para adotar na sua empresa um setor de recursos humanos estratégico, é fundamental que o gestor comece investindo em seus colaboradores. Para, assim, criar em sua companhia um ambiente de comunicação aberta e aprendizado.

Portanto, aproxime-se de seus trabalhadores, ouça suas opiniões sobre a empresa e os seus processos. Você poderá também investir em treinamento por meio de palestras corporativas, cursos de aperfeiçoamento e estimular a presença da equipe em eventos voltados para o setor de RH.
Além disso, mostre para a alta gestão da companhia o valor de se traçar metas e estratégias com o respaldo do setor de recursos humanos. E acompanhe os passos que a instituição está dando para alcançar esses objetivos. Cultive um relacionamento transparente na companhia.
Por fim, se esforce em adotar a cultura da inovação na empresa — que, embora envolva implantar tecnologias que melhorem o desempenho e a eficiência dos processos, também significa recompensar colaboradores que possuem uma ideia nova para realizar os serviços da instituição.
Assim, se você seguir as sugestões deste artigo, poderá colher resultados excelentes em sua empresa. Além de se posicionar como um gestor eficiente, admirado e respeitado por todos os colaboradores da instituição!
Copiado: http://employer.com.br/