QUEM SOU EU

Minha foto

Administrador de Empresas(UEMA), Mestrado em Administração(FGV-RIO), Professor Universitário (FAMA/UFMA), Ex-Presidente do CRA-MA, Ex-Conselheiro Federal de Administração - CFA, Empresário (DEPYLMAR, ), Ex-Conselheiro Fiscal da ANGRAD, Vogal da Junta Comercial do Maranhão (JUCEMA)Consultor de Empresas, Avaliador do INEP/MEC, Maranhense de Pedreiras, filho de Valdinar e Cavalcante Filho, Casado (Graça Cavalcante), 02 Filhos (Nathália Johanna e Diego Henrique), apaixonado pelo Moto Club de São Luís, Botafoguense de Coração e Feliz da Vida...

sexta-feira, 19 de abril de 2013

7 Gafes Clássicas em Almoços de Negócios

Pedir bebidas alcoólicas e um prato de valor elevado são alguns exemplos


Saber se portar em um almoço de negócios é importante para sua imagem profissional, afinal você, naquele momento, está representando a sua empresa. Apesar de ser mais informal do que uma reunião é preciso atentar a alguns detalhes comportamentais.

Para Romaly de Carvalho, professora de etiqueta empresarial da Fundação Getúlio Vargas (FGV), algumas atitudes demonstram falta de preparo profissional. “Um almoço de negócios pode significar muito: sucesso ou fracasso”, afirma Lígia Marques, consultora em etiqueta e marketing social.

Confira abaixo algumas gafes que não devem ser cometidas nem pelo anfitrião nem pelo convidado.

Pedir bebidas alcoólicas

Caso seja inevitável, acompanhe o anfitrião em um brinde com bebida alcoólica. Mas o ideal é evitar. “Não vale a pena se distrair numa hora em que os negócios estão em jogo”, afirma Lígia.

Reclamar da comida

“Ao reclamar da comida e do serviço ou parecer insatisfeito pode dar a atender que o anfitrião não soube escolher o restaurante”, explica Romaly.

Chegar atrasado

Independente se você é o anfitrião ou convidado, segundo as especialistas, ser pontual com os compromissos é imprescindível.

Pedir pratos muito caros

Segundo as especialistas, se você é a pessoa convidada, evite pedir pratos de valores elevados. “É uma gafe gigantesca pedir pratos caros, não é porque a empresa que está pagando que o profissional pode abusar”, afirma Romaly.

Mexer no celular incessantemente

“Desligue aparelhos celulares, smartphones ou o que quer que possa vir a interromper seu almoço”, ensina Ligia. Caso seja realmente essencial que você atenda a uma ligação, peça desculpas e seja breve.

Não saber se portar na mesa
Falar de boca cheia ou mastigar fazendo barulho? Sua imagem corre sério risco se você não se portar de maneira inadequada.

Deixar objetos sobre a mesa

Pastas, bloquinhos, celulares, chaves, carteiras e objetos pessoais não devem ficar sobre a mesa. Para as especialistas, o almoço de negócios antecede as próximas etapas, durante o almoço não é o momento recomendado para assinar contratos ou abrir planilhas.


Fonte: Por Camila Lam - exame.abril.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário