QUEM SOU EU

Minha foto

Administrador de Empresas(UEMA), Mestrado em Administração(FGV-RIO), Professor Universitário (FAMA/UFMA), Ex-Presidente do CRA-MA, Ex-Conselheiro Federal de Administração - CFA, Empresário (DEPYLMAR, ), Ex-Conselheiro Fiscal da ANGRAD, Vogal da Junta Comercial do Maranhão (JUCEMA)Consultor de Empresas, Avaliador do INEP/MEC, Maranhense de Pedreiras, filho de Valdinar e Cavalcante Filho, Casado (Graça Cavalcante), 02 Filhos (Nathália Johanna e Diego Henrique), apaixonado pelo Moto Club de São Luís, Botafoguense de Coração e Feliz da Vida...

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Convicção ou Persuasão: Qual é Mais Poderoso?

Você já parou para pensar quantas vezes você já desistiu de comprar um produto ou serviço em virtude da falta de conhecimento, da falta de domínio e principalmente pela falta de convicção do vendedor que lhe atendia? Penso que a resposta deva ser algo como: “Nossa Zé, várias vezes!”.
Tenho viajado pelo Brasil todo onde tenho a honra de ajudar as maiores e melhores empresas a se tornarem ainda mais eficazes e brilhantes através do incremento das habilidades, técnicas, atitudes e comportamentos de vendas de seus profissionais. E nestas andanças, uma das principais preocupações que tem afligido os líderes das empresas é exatamente a falta de convicção de seus profissionais de vendas diante dos seus clientes.
Não se pode jamais esquecer de duas máximas no mundo das vendas e que por mais incrível que possa parecer ainda são negligenciadas ou simplesmente esquecidas por tanta gente. São elas:
  • “Pessoas compram de pessoas”
  • “Pessoas compram de pessoas que elas confiam”
Wow Zé! Que simples isso! Sim, é bastante simples, mas repito: isso ainda é negligenciado e esquecido por muita gente que não entende que além de dominar profundamente as características, benefícios e diferenciais competitivos dos produtos e serviços que vendem (o chamado “Know How” que se traduz em “Saber Como”), é preciso também dominar a arte do relacionamento onde se inclui um componente absolutamente fundamental e umbilicalmente ligado ao seu sucesso em vendas, a confiança. A isso vou chamar de “Know Who” que se traduz em “Saber Quem”.
Portanto, para se vender muito é preciso ter em seu coração, mente e alma a plena convicção dos reais benefícios e do valor real que o seu produto ou serviço traz à vida dos seus clientes e que além disso você precisará o tempo todo trabalhar na construção de relacionamentos de longo prazo sempre pautados por elementos cruciais como confiança, ética, honestidade e interesse genuíno em fazer a diferença na vida dos seus clientes e na vida dos clientes dos seus clientes.
Preciso lhe confessar que vejo com preocupação a oferta excessiva de cursos, treinamentos e workshops voltados única e exclusivamente às técnicas da persuasão muitas vezes pautadas apenas pelo uso deliberado de artimanhas e truques que tendem a soar falsos aos olhos dos clientes. O que quero aqui reforçar e dividir com você é que só consegue realmente persuadir de forma genuína quem é apaixonado pelo que faz e quem tem uma crença inabalável sobre o quanto seus produtos e serviços impactam positivamente na vida e nos negócios dos seus clientes. Se esta convicção não existir e ficar 100% clara aos olhos dos seus clientes, de nada adiantará você ter estudado sobre as técnicas mais eficazes de persuasão.
Pense nisso e questione-se sempre se você compraria, usaria e principalmente se você recomendaria os produtos e serviços que vende aos seus amigos e familiares.
E se precisar de ajuda profissional e apaixonada para incrementar as habilidades, técnicas, atitudes e comportamentos de vendas dos seus profissionais e fazê-los refletir sobre a importância da convicção em vendas, conte comigo! Será uma honra te ajudar nesta fascinante missão!
Um grande abraço e boas vendas!
José Ricardo Noronha | www.paixaoporvendas.com.br | Linkedin

Nenhum comentário:

Postar um comentário