QUEM SOU EU

Minha foto

Administrador de Empresas(UEMA), Mestrado em Administração(FGV-RIO), Professor Universitário (FAMA/UFMA), Ex-Presidente do CRA-MA, Ex-Conselheiro Federal de Administração - CFA, Empresário (DEPYLMAR, ), Ex-Conselheiro Fiscal da ANGRAD, Vogal da Junta Comercial do Maranhão (JUCEMA)Consultor de Empresas, Avaliador do INEP/MEC, Maranhense de Pedreiras, filho de Valdinar e Cavalcante Filho, Casado (Graça Cavalcante), 02 Filhos (Nathália Johanna e Diego Henrique), apaixonado pelo Moto Club de São Luís, Botafoguense de Coração e Feliz da Vida...

quinta-feira, 5 de abril de 2018

O Que é Empreendedorismo Digital?

Com o crescimento desenfreado de usuários de internet através de banda larga – que conta inclusive com o apoio do governo federal via Plano Nacional de Banda Larga -, cresce na mesma proporção o mercado da internet (ou internet marketing, em inglês).
Não é a toa que tantas empresas físicas (Lojas Americanas, Casas Bahia, Walmart…) também possuem lojas virtuais, onde é possível comprar sem sair de casa. Além disso, existem também lojas exclusivamente virtuais, como o Submarino ou Netshoes, que já nasceram nesse meio e têm obtido relevante sucesso.
O que muita gente não sabe (e já existem algumas pessoas ganhando milhões de dólares por ano nessa área) é que qualquer pessoa pode embarcar nesse mercado, com bastante estudo e dedicação para criar e promover o seu negócio e ganhar dinheiro na internet.

O que é empreendedorismo digital?

Empreendedorismo digital é o desenvolvimento de um modelo de negócio para oferecer um produto/serviço diferenciado através de um meio digital (internet, por exemplo) e obter lucro. Existem uma infinidade de formas de fazer isso atualmente, mas neste artigo vou focar em dois deles.
A primeira maneira é desenvolver um produto próprio, baseado em algum conhecimento que você já tenha, e vendê-lo pela internet. Isso pode ser feito através de um site, blog ou através de links patrocinados.
Outra possibilidade é vender produtos de terceiros. Nesse caso, você se torna parceiro ou afiliado de produtos que você conhece, confia e acredita que agregará valor para seu público e oferece esse produto através do seu site, blog, lista de e-mails, entre outros.

Por onde começar?

A primeira coisa que deve ser feita é a escolha de um nicho de mercado. Entretanto essa escolha deve estar relacionada com algum conhecimento que você já possui. De nada adianta escolher o nicho “jogos para PlayStation” se você nunca tiver jogado. Ou “como ganhar massa muscular” se você nunca tiver frequentado uma academia e obtido resultados.
Escolhido o nicho de mercado, você deve escolher um meio para captar clientes. Você pode montar um site ou blog para conquistar sua audiência, mas esteja certo que esse é um caminho bem trabalhoso. Não pela criação do site, pois isso você consegue fazer em poucos minutos. Mas pela dificuldade em conquistar audiência.

Escolhi um nicho e criei meu site. Já estou pronto para ganhar dinheiro?
Infelizmente existe um mito – alimentado por alguns produtos enganosos – que ganhar dinheiro na internet é fácil e rápido. Essa é uma das maiores mentirasque existem nesse meio. É necessário MUITA dedicação e leva um bom tempo para começar a entrar algum dinheiro.
O grande erro dos empreendedores digitais é ter como objetivo ganhar dinheiro. Digo que isso é um erro porque o maior objetivo deveria ser oferecer um conteúdo de qualidade, para conquistar e fidelizar leitores.
À medida que você consegue conquistar audiência para seu site, já é possível oferecer seu produto ou produtos de terceiros.
Aqui vai outra dica valiosíssima: não ofereça produtos só porque a comissão é boa ou por saber que seus leitores confiam em você e comprariam de qualquer maneira. Tenha critério ao avaliar os produtos que você pretende oferecer.
Quem tem um site ou blog de sucesso sabe o quanto é difícil conquistar uma audiência relevante. O problema é que perdê-la é muito fácil. Basta oferecer um produto ruim e sem garantia de reembolso que tudo pode ser perdido.

Leituras recomendadas (gratuitas)

Não é fácil encontrar conteúdo de qualidade e gratuito sobre esse assunto na internet. A grande maioria está muito mais preocupada em vender seus produtos ou oferecer produtos de terceiros, sem se importar se esses realmente vão contribuir para os leitores.
Um site que acompanho sempre e que fornece conteúdo bem bacana é o Escola Dinheiro, do ótimo Paulo Faustino. Ele traz várias dicas sobre como ganhar dinheiro com sites e blogs.
Outro site fenomenal (em inglês) é o ProBlogger, do Darren Rowse. Esse cara já ganhou milhões de dólares pela internet vendendo livros digitais e produtos de terceiros para seus leitores. E continua oferecendo muito conteúdo de qualidade e gratuito. Para quem sabe um pouco de inglês, é leitura obrigatória.

Ferramenta para montar seu próprio negócio pela internet

Como escrevi anteriormente, tem muito produto de péssima qualidade, onde apenas o autor consegue ganhar dinheiro, mas não ensina absolutamente nada. Já quebrei a cara com vários livros digitais, não apenas em português mas também em inglês.
Das ferramentas que conheço, a melhor e mais completa é o Búfalos Geradores de Dinheiro, que apresentei no artigo “Como ganhar dinheiro na internet“. Até então é a única que recomendo, por oferecer um pacote completo – através de vídeos, tutoriais, modelos de sites, dicas de nichos de mercado, entre outros – para montar um negócio pela internet.

É realmente possível ganhar dinheiro pela internet?

Sim, mas – pela milésima vez – não é fácil nem é rápido. Digo isso sempre, pois conheço muita gente que já quebrou a cara com a esperança de ficar rico nesse negócio. É possível, mas a possibilidade disso acontecer é diretamente proporcional ao seu esforço e dedicação ao negócio. Se você não quer estudar o mercado e se dedicar ao desenvolvimento do seu negócio, certamente também vai quebrar a cara.
Para quem realmente tem interesse, a boa notícia é que existem muitos nichos que não estão devidamente explorados e – principalmente – muitas pessoas que ainda não compram pela internet ou até que não têm acesso à internet, mas terão nos próximos anos.
Por: Rafael Seabra - https://queroficarrico.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário