QUEM SOU EU

Minha foto

Administrador de Empresas(UEMA), Mestrado em Administração(FGV-RIO), Professor Universitário (FAMA/UFMA), Ex-Presidente do CRA-MA, Ex-Conselheiro Federal de Administração - CFA, Empresário (DEPYLMAR, ), Ex-Conselheiro Fiscal da ANGRAD, Vogal da Junta Comercial do Maranhão (JUCEMA)Consultor de Empresas, Avaliador do INEP/MEC, Maranhense de Pedreiras, filho de Valdinar e Cavalcante Filho, Casado (Graça Cavalcante), 02 Filhos (Nathália Johanna e Diego Henrique), apaixonado pelo Moto Club de São Luís, Botafoguense de Coração e Feliz da Vida...

terça-feira, 22 de abril de 2014

Os Novos Rumos do Empowerment

Por Que Motivo Muitos Gerentes Não Delegam Autoridade a Seus Funcionários? 

A principal razão pela qual muitos Gerentes não delegam autoridade a seus funcionários é porque eles temem perder o controle da situação e, para eles, perder o controle significa perder o poder.

De fato, muitos gestores perdem o controle quando delegam autoridade a seus colaboradores, muito mais por não fazerem um acompanhamento de perto do que por qualquer outro motivo. 

Eles acabam se aborrecendo e decidem – por via das dúvidas – manter a autoridade em suas próprias mãos.

A delegação de autoridade sempre envolverá algum risco e, para vários estudiosos, a delegação e o controle devem sempre caminhar “de mãos dadas”.

O Gerente moderno deverá minimizar esses riscos estabelecendo os controles necessários. Ou seja, ele deverá acompanhar regularmente o trabalho, a fim de verificar a eficiência com que o seu colaborador está exercendo a autoridade que lhe foi delegada.

Pode-se afirmar que, quando gestores e organizações não alcançam seus objetivos, quase sempre isso ocorre em função da falta de controle e de acompanhamento.

Dessa forma, o melhor planejamento será inútil se não houver um sistema para monitorar a forma como os funcionários o estão seguindo. Além disso, o plano deverá contemplar uma descrição detalhada de quem tem a responsabilidade e a autoridade de fazer o quê.

Se você é um desses Gerentes que preferem segurança e delegam o mínimo de autoridade ao seu pessoal, aqui vai um alerta: _ mais cedo ou mais tarde isso se voltará contra você.

Isso ocorrerá principalmente se (e quando) a sua própria responsabilidade aumentar e, quanto maior for a sua responsabilidade, maior será a necessidade de você delegar parte da sua autoridade. Do contrário, você será sufocado com aquilo que você mesmo criou.

Seguem abaixo algumas “dicas” para você manter o controle da eficiência com que um colaborador está exercendo sua autoridade:
  • Implante procedimentos de controle da qualidade.
  • Supervisione o trabalho do colaborador.
  • Realize reuniões administrativas regulares.
  • Exija que o colaborador apresente semanal ou quinzenalmente relatórios da situação.

Fonte:  Julio Cesar S. Santos - http://www.qualidadebrasil.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário