QUEM SOU EU

Minha foto

Administrador de Empresas(UEMA), Mestrado em Administração(FGV-RIO), Professor Universitário (FAMA/UFMA), Ex-Presidente do CRA-MA, Ex-Conselheiro Federal de Administração - CFA, Empresário (DEPYLMAR, ), Ex-Conselheiro Fiscal da ANGRAD, Vogal da Junta Comercial do Maranhão (JUCEMA)Consultor de Empresas, Avaliador do INEP/MEC, Maranhense de Pedreiras, filho de Valdinar e Cavalcante Filho, Casado (Graça Cavalcante), 02 Filhos (Nathália Johanna e Diego Henrique), apaixonado pelo Moto Club de São Luís, Botafoguense de Coração e Feliz da Vida...

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Os 12 momentos mais importantes dos 9 anos de história do Facebook

Fundado em 4 de fevereiro por um então desconhecido estudante da Universidade de Harvard chamado Mark Zuckerberg e colegas de quarto (entre os quais o brasileiro Eduardo Saverin), o Facebook completou nesta segunda-feira nove anos. 

Rica em polêmicas desde sua origem, a rede social é uma febre, um grande empreendimento, um divisor de águas, uma ameaça à privacidade, um instrumento de mobilização em escala global, uma promessa para o futuro, o delírio de um empresário que tem como meta dominar o mundo. 
As definições são muitas. Umas exageradas. Outras ainda incógnitas. Todas, entretanto, verdadeiras ou, pelo menos, possíveis.
Veja abaixo um resumo pontual dos momentos de maior destaque desses nove anos do Facebook:

  • 2003 – É lançado o Facemash, criação de Mark Zuckerberg que abriu caminho para o Facebook. A rede, fechada para estudantes de Harvard, era basicamente um espaço em que os usuários podiam comparar fotos e marcá-las como “hot (quente) ou not (não)”, algo como dizer o que achavam legal e o que não achavam.
  • 2004 – É lançado o Facebook, inicialmente fechado para estudantes da Harvard, desenvolvido por Zuckerberg e com investimentos de Eduardo Saverin.
  • 2004 – Sean Parker, fundador do Napster, passar a prestar uma espécie de consultoria ao Facebook, ganha 10% de suas ações e, com sua entrada no negócio, demarca o início da crise de Zuckerberg com os amigos que o ajudarão a lançar a rede.
  • 2004 - Saverin deixa o grupo e é iniciado um imbróglio judicial que culminou anos depois com a garantia de que o nome do brasileiro continuaria sendo apresentado como co-fundador do Facebook e teria direito a 5% das ações da companhia (inicialmente, o percentual era de 24%).
  • 2004 – O Facebook chega ao Vale do Silício e Peter Thiel, co-fundador do PayPal, faz o primeiro grande investimento: US$ 500 mil, em troca de 10.2% e lugar no comando da companhia.
  • 2005 – Zuckerberg amplia seus servidores e abre a rede para alunos de mais 20 universidades.
  • 2010 – É lançado o filme “A rede social”, dirigido por David Fincher, com Jesse Eisenberg no papel de Zuckerberg
  • 2010 – Irmãos Winklevoss voltam a processar o Facebook. Os primeiros, que já haviam conseguido um acordo, voltaram a entrar na Justiça contra Zuckerberg alegando que o dinheiro recebido inicialmente era pouco, diante do valor de mercado adquirido pela companhia.
  • 2012 – O Facebook abre seu capital com ação negociada, inicialmente, a US$ 43. IPO, entretanto, decepciona e faturamento é menor que o esperado.
  • 2012 – O Facebook compra o Instagram.
  • 2012 – O Facebook muda termos de sua política de privacidade e gera polêmica, sob a acusação de ampliar a exposição dos usuários.
  • 2012 – O Facebook apresenta sua nova ferramenta de buscas, a Graph Search, que deve ser mais uma maneira de a rede ampliar suas fontes de receita. A ideia é de que, a partir da oficialização do novo mecanismo, os resultados sejam apresentados a partir do cruzamento de dados, aproximando a busca interna da rede ao modelo do Google

Por: Simão Mairins, www.administradores.com,

Nenhum comentário:

Postar um comentário