QUEM SOU EU

Minha foto

Administrador de Empresas(UEMA), Mestrado em Administração(FGV-RIO), Professor Universitário (FAMA/UFMA), Ex-Presidente do CRA-MA, Ex-Conselheiro Federal de Administração - CFA, Empresário (DEPYLMAR, ), Ex-Conselheiro Fiscal da ANGRAD, Vogal da Junta Comercial do Maranhão (JUCEMA)Consultor de Empresas, Avaliador do INEP/MEC, Maranhense de Pedreiras, filho de Valdinar e Cavalcante Filho, Casado (Graça Cavalcante), 02 Filhos (Nathália Johanna e Diego Henrique), apaixonado pelo Moto Club de São Luís, Botafoguense de Coração e Feliz da Vida...

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

ATRAIR CONSUMIDORES: CONSIDERE OS HÁBITOS DAS ABELHAS

Abelhas são insetos sociais. 
Como outros animais, elas se comunicam entre si o tempo inteiro com o objetivo de informar as outras abelhas, das descobertas que fazem em suas "caçadas".

Quando uma abelha sai para forragear (buscar alimentos) e encontra uma flor com bastante néctar, ela retorna para a colmeia e faz a chamada "linguagem da dança" que mostra às outras o caminho para voar e encontrar esse "tesouro". 


A linguagem da dança das abelhas já foi comprovada cientificamente por ser sofisticada o suficiente para conseguir comunicar a direção exata da flor desde a colmeia, sua posição em relação ao sol, a distância da colmeia entre outros atrativos. 

E essa dança dá instruções eficientes até em dias nublados, isso por que as abelhas na verdade enxergam luminosidade pela radiação ultravioleta, o que permite que elas saibam exatamente a posição do sol, não importando quão nublado esteja.

Vamos imaginar agora, que seus consumidores são abelhas. Isso significa que você está no ramo das flores, distribuindo néctar para o mercado de abelhas. 


  • Você quer que o seu néctar tenha o maior Market Share possível, de maneira a gerar o maior número de visitar individuais de abelhas, maximizando as chances do seu pólen ser distribuído para outras flores. 
Ocasionalmente, uma abelha irá voar no seu espaço. 

  • Como você deverá atrair esse potencial consumidor para que ele dê uma olhada em seu produto? 
Obviamente, você o faz através das suas cores brilhantes e cheiro agradável. Mas agora suponha que você consiga de fato que uma abelha voe até suas flores e experimente seu néctar. 
  • O que determina se a abelha irá voltar para a colmeia e contar para as outras sobre o seu produto? 
É simples: ela somente fará a linguagem da dança se considerar que o seu néctar é bom o suficiente e que merece uma viagem de volta. 

Moral da história: 

  • Para encorajar os consumidores a experimentarem seu produto, tudo o que você precisa é uma boa propaganda. 
  • Cores brilhantes e um ótimo aroma irão capturar a atenção de uma simples abelha, ao menos o suficiente para que ela faça uma visita. 
  • Mas se você quer que seu consumidor retorne, depois de fazer uma comunicação boca a boca do seu produto, então você deve providenciar também uma boa experiência do cliente.
  •  Não é a atratividade da sua flor, mas a qualidade do seu néctar que irá seduzir um verdadeiro grupo de consumidores a visitar sua loja.
Seres humanos também são animais sociais. 

  • Nós gostamos de estar na presença de outros, contando histórias, espalhando rumores, participando de jogos, dando risada, nos entretendo e aos outros também. 
  • Nós gostamos de compartilhar ideias, fornecer feedback, discutir sobre assuntos e melhorar nossa visão do mundo ao olhar o ponto de vista do outro.
  •  Nós até observamos os outros procurando entender quais são nossos reais sentimentos. 
Ser social é um ingrediente essencial da natureza humana. 
  1. O termo "anti-social" é um rótulo que se coloca em alguém que você presume ser frio, solitário e recluso. 
  2. Se você é "anti-social", então há algo de errado com você.
Por mais importante que sua natureza social seja, as redes sociais e outras tecnologias de interação a injetaram com muitos anabolizantes. 

Diante dos nosso próprios olhos, estamos sendo transformados em uma rede robusta de pessoas interconectadas a outras mundialmente, 24 horas por dia, 7 dias por semana, criando e compartilhando, colaborando, publicando, criticando, ajudando, aprendendo, competindo e nos divertindo. 

Somos como as abelhas, porém com smartphones, utilizando nossa linguagem da dança no espaço do Twitter ou Linha do Tempo do Facebook. 
Esse crescimento acelerado na velocidade e volume de interações humanas aumentou significativamente a importância da confiança.

  • Esta é um lubrificante essencial para qualquer interação. 
  • Confiança é o que faz as conexões com outros serem úteis e eficientes. 
  • E nossos padrões já aumentaram, agora que somos extremamente sociais, nós requisitamos extrema confiança.
Da próxima vez que você estiver pensando em como construir seu negócio, tente imaginar que seus consumidores irão decidir "dançar" ou não para seus amigos após terem um contato com sua marca. 

E então reflita: 
  • Faz mais sentindo para você, investir na aparência da flor ou no sabor do néctar? 
FONTE: 1to1 Peppers & Rogers Group. - http://darleisimioni.blogspot.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário